• (21) 2290 5886 / 2209 1950
  • (11) 4305 7900 / (11) 2369 5871
  • Seg - Sex | 8h às 17:30h

A importância da segurança residencial

por nexos
violência - segurança residencial

Atualmente, a violência faz parte do dia a dia da maior parte das cidades brasileiras, infelizmente. Portanto, é melhor se precaver para que você ou sua família não sejam pegos de surpresa! Com algumas medidas simples, você consegue ter segurança eficiente em casa.

Quer garantir proteção e conforto para sua família? Então continue lendo nosso artigo!

Cuidado com a iluminação

Ruas mal iluminadas são mais arriscadas para a segurança, tanto dos morados quando das pessoas que estão de passagem por elas. Dessa forma, uma boa ideia é instalar luzes externas com sensores de aproximação. Com isso, toda vez que alguém se aproximar da sua casa, as luzes vão se acender. Se no caso for uma pessoas mal-intencionada, esse investimento barato vai inibir, na maior parte das vezes, a sua ação. Essa medida previne e muito a invasão domiciliar.

Tranque suas portas

Muitas pessoas se sentem tão seguras em casa que deixam tudo destrancado. Isso geralmente acontece porque elas acreditam que o bairro em que vivem é seguro. Mas fique atento! Este hábito é um prato cheio para pessoas más intencionadas. Além disso, coloca em risco a segurança da casa, pois criminosos tentam arrombar imóveis que consideram mais fáceis de entrar. Então, é melhor não ser tão confiante e desprevenido.

Busque vulnerabilidades

Vasculhe na sua casa por pontos fracos na segurança. Pontos cegos na hora de entrar pela garagem, acessos fáceis, adornos grandes no jardim, muros baixos, porta direta na rua, sacadas, janelas de correr ou vulneráveis, por exemplo. Estes são apenas alguns dos itens que podem colocar em jogo sua segurança e da sua família. Liste todos os que encontrar e procure soluções para minimizar os riscos.

Seja amigo dos vizinhos

É importante ter uma boa relação com a vizinhança, pois eles podem ficar de olho na sua casa. Principalmente quando você for realizar uma viagem! Nesse período, inclusive, eles podem ajudar tirando papéis do quintal, pegando sua correspondência, acendendo luzes alternadas e outros macetes para que possíveis criminosos acreditem que a casa está ocupada.

Cuide das áreas externas

Ter segurança em casa significa que você vai ter que ficar atento a todas as áreas da residência, inclusive as externas. Portanto, cuide da aparência dos jardins, garagem e quintal. Papéis jogados, sujeira e plantas morrendo passam a ideia de abandono, levando os invasores, dessa forma, a acharem que é mais fácil entrar no seu lar porque não tem ninguém. Evite também excessos, itens grandes que possam servir de local para pessoas se esconderem.

Troque as fechaduras

Se você perdeu suas chaves, terminou um relacionamento conturbado ou está se mudando para uma casa nova, não pense duas vezes e troque todas as fechaduras da casa. Não se arrisque, é perigoso permitir que outras pessoas tenham acesso livre a sua casa.

Tenha um sistema de segurança

Essa é a dica para fechar com chave de ouro, investir nos alarmes da Ezalpha MV. O sistema de segurança é um elemento decisivo para a sua segurança, disparando um alarme em caso de invasão, o que inibe os invasores e ajuda a receber o apoio da polícia mais rapidamente.